top of page

Sempre associamos a existência de doenças cardíacas com o envelhecimento.



Mas uma dúvida que sempre vemos por aqui: será que é possível que uma criança apresente condições como a arritmia?


E a resposta é Sim!👍


As arritmias correspondem às alterações no ritmo do coração, que pode apresentar batidas mais aceleradas que o normal - taquicardia - ou mais demoradas - braquicardia.


Quando se apresentam, no geral, são de causa congênita, de modo que a realização adequada do pré-natal ajudam na detecção precoce.


É comum que casos cardíacos pediátricos se refiram a problemas congênitos e não há uma forma específica de se proteger disso.


Realizar acompanhamento pré-natal e manter hábitos saudáveis durante a gravidez ajudam a detectar precocemente possíveis problemas de saúde nas crianças.


Dicas de como prevenir e identificar as Arritmias Pediátricas:


- Muitas patologias são hereditárias, portanto, se houver registros de doenças cardíacas na família, os cuidados devem ser redobrados;

- As avaliações médicas pelo pediatra são fundamentais nos primeiros meses de vida, para a identificação e o controle de problemas que poderão resultar em arritmias no futuro;

- Crianças com cardiopatias congênitas, já corrigidas ou não, desenvolvem arritmias mais facilmente do que a população geral;

- Valorizar sempre qualquer queixa de palpitação referida pela criança;

- O diagnóstico é feito por meio de exames comuns sempre que há alguma suspeita, iniciando a partir de uma avaliação física detalhada, um eletrocardiograma e um ecocardiograma. Com esses resultados, temos a base para iniciar uma investigação mais profunda, com exames mais específicos nos casos detectados.


Procure seu cardiologista.♥️🩺

13 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

ความคิดเห็น


bottom of page